O Que é Dengue? Tipos, Sintomas e Muito mais.

Verão no Brasil e em outros países tropicais é sinal de sol, calor, chuva… e dengue. A doença transmitida por um vírus que entra no corpo humano por conta da picada do mosquito Aedes aegypt aparece em surtos cada vez que o clima esquenta e favorece o aparecimento de água parada, onde os ovos são depositados. Continue lendo e se informe um pouco mais sobre essa doença, como tratá-la e mais importante: como preveni-la.

O que é dengue?

O que é dengue?

Quais os tipos da Dengue?

A dengue tem quatro tipos diferentes de vírus, que causam basicamente os mesmos quadros. Quem for infectado por determinado tipo, só poderá se contaminar pelos outros três e é aí que mora o perigo. O tipo 4 do vírus não circulava no Brasil há quase 30 anos, fazendo com que a população apresente menos imunidade, em especial crianças e jovens. Isso favorece o desenvolvimento de casos mais graves, ainda mais que novos casos desse tipo foram registrados no norte do país.

Sintomas da Dengue

Existem quatro quadros característicos da dengue: infecção assintomática, dengue clássica, dengue hemorrágica e ainda a mais rara e grave, síndrome do choque associado à dengue. Na infecção assintomática, como o próprio diz, o indivíduo é infectado pelo vírus mas não apresenta nenhum sintoma. A dengue clássica, forma mais branda, pode se assemelhar bastante a uma gripe forte, mas não tem sintomas respiratórios. Caracteriza-se pela febre alta e repentina, dor de cabeça, atrás dos olhos, musculares e nas juntas, aparecimento de manchas vermelhas na pele além de coceira. Pode durar de três a sete dias, mas a fraqueza pode continuar por mais tempo. Crianças apresentam febre e apatia, podendo ter manchas vermelhas ou não.

A dengue hemorrágica é uma forma mais grave, que começa como a clássica mas depois de alguns dias apresenta queda da febre e iniciam-se sangramentos diversos, no nariz, gengiva, vagina e ainda hematomas e pontos vermelhos na pele. Pode manifestar sangramento no trato urinário e digestivo.

A síndrome do choque associado à dengue é uma manifestação mais rara, mas bem mais grave e perigosa. Entre os sintomas da dengue estão delírio, psicose, amnésia e até coma. Pode haver insuficiência renal, hepática e digestiva.

Diagnóstico e Causas

O diagnóstico da dengue acontece por meio de exame de sangue.

A dengue não é transmitida pelo contato entre pessoas, somente pela picada da fêmea do Aedes aegypt. O mosquito da dengue fêmea precisa das proteínas do sangue para alimentar os ovos que eventualmente depositará e nascerão larvas, que se tornarão novos mosquitos.

Tratamento

Não existe tratamento específico para essa doença e ele tende a ser apenas sintomático, de modo a aliviar os sintomas. Assistência médica deve ser procurada em caso de suspeita de dengue, já que a automedicação pode ter resultados fatais. Isso porque analgésicos e antitérmicos contendo ácido acetilsalicílico como a Aspirina ou antiinflamatórios que interferem na coagulação sanguínea poderão favorecer o aparecimento de sangramentos.

Prevenção Contra Dengue

Existem várias maneiras de evitar ser picado pelo mosquito, mas a maneira mais eficaz de proteger a todos é fazer de tudo para erradicá-lo. Isso inclui eliminar as fontes de água parada, necessárias para a reprodução do mosquito.

Saiba mais como combate a dengue.

Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *